Cultura de Aprendizagem Organizacional e Adoção de Novas Tecnologias Educacionais em uma Instituição de Ensino Superior em Castanhal - Pará, Brasil

Eliane Seabra Paes Leal, Fernando Antônio Colares Palácios, Patrícia Helena Martins Nazareth

Resumo


A pesquisa tem como objetivo analisar a relação entre a cultura de aprendizagem organizacional e a adoção de novas tecnologias em instituições de ensino superior - IES. De forma específica, busca identificar elementos de cultura de aprendizagem organizacional, verificando de que maneira as novas tecnologias são utilizadas pelos docentes e quais as estratégias utilizadas pelos gestores na mobilização desse processo. O estudo foi realizado em uma IES privada, localizada no estado do Pará, no período de 31 de maio a 19 de junho de 2019. Em uma abordagem qualitativa e quantitativa, foi feita uma pesquisa exploratória, tendo como sujeitos os docentes da unidade de pesquisa. Nos procedimentos metodológicos foi utilizada a versão simplificada do instrumento Dimensions of the Learning Organization Questionnaire – DLOQ-A, para identificar os elementos de cultura de aprendizagem. Com esses elementos, obteve-se um índice de cultura de aprendizagem geral de 4,99, em uma escala de 1 a 6, que foram captados por 7 dimensões, sendo que “Oportunidades para a aprendizagem contínua” foi a dimensão com maior destaque. Para a utilização de novas tecnologias educacionais teve-se como resultado indicadores positivos quanto ao interesse de professores e alunos, que mesmo com uma estrutura tecnológica não ideal, fazem bom uso dos recursos disponíveis. Observou-se uma relação positiva entre as dimensões de cultura de aprendizagem organizacional e a adoção de novas tecnologias educacionais pelos docentes na IES pesquisada.  Porém, ainda há uma necessidade da IES estudada adequar sua estrutura tecnológica para um uso mais efetivo das novas tecnologias nas práticas pedagógicas dos docentes.


 


Palavras-chave


Aprendizagem Organizacional. Tecnologias Educacionais. Cultura de Aprendizagem. Instituições de Ensino Superior.

Texto completo:

PDF HTML

Referências


ANTONELLO, Claudia Simone. A metamorfose da aprendizagem organizacional: uma revisão crítica. In: RUAS, Roberto Lima; ANTONELLO, Claudia Simone; BOFF, Luiz Henrique. (org.). Aprendizagem organizacional e competências. Porto Alegre: Artmed, 2005. p. 12-33.

ANTONELLO, Claudia Simone; GODOY, Arilda Schmidt. A Encruzilhada da Aprendizagem Organizacional: uma Visão Multiparadigmática. Revista de Administração Contemporânea, v. 14, n. 2, p. 310-332, 2010.

BLANCO, Elias; SILVA, Bento. Tecnologia Educativa em Portugal: Conceito, Origens, Evolução, Áreas de intervenção e Investigação. Revista Portuguesa de Educação, v. 6, p. 37-55, 1993.

BOMFIN, David Ferreira. Aprendizagem organizacional: contribuições para o gestor no contexto das instituições educacionais. Revista Gestão & Tecnologia, v. 6, n. 2, p. 1-26, 2006.

COOK, Scott; YANOW, Dvora. Culture and organizational learning. Journal of Management Inquiry, v. 2, n. 4, p. 373-390, 1993.

COTO, Mayela; COLLAZOS, César A.; MORA-RIVERA, Sonis. Modelo colaborativo e onipresente para apoiar os processos de ensino-aprendizagem no nível Ibero-americano. Revista de Educação a Distância, n. 48, p. 1-30, 2016.

EDMUNDS, Rob; THORPE, Mary; CONOLE, Grainne. Student attitudes towards and use of ICT in course study, work and social activity: A technology acceptance model approach. British Journal of Educational Technology, v. 43, n. 1, p. 71–84, 2012.

FERREIRA, Germânia Kelly Furtado; SILVA, Bento Duarte da. Formação Continuada de Professores para o Uso Das Tecnologias Educativas: Entre a Intenção e a Execução. Seminário Web Currículo, 4; Encontro de Pesquisadores em Currículo, 12., 2015. São Paulo, Anais [...] São Paulo: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 2015.

GARVIN, David A. Building a Learning Organization. Harvard Business Review, v. 71, n. 4, p. 78-91, 1993.

GRANT, Robert. Towards a Knowledge-based theory of the firm. Strategic Management Journal, v. 17, p. 109-122, 1996.

KARAWEJCZYK, Tamara Cecília. A Articulação da Mudança e Aprendizagem Organizacional em Uma Instituição de Ensino Superior: Uma Contribuição para o Entendimento Deste Fenômeno Organizacional. 2005. Tese (Doutorado) - Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2005.

LAMES, Liliane Costa Jacobs. Docência no Ensino Superior: O Uso das Mídias Digitais Como Estratégia Pedagógica. 2011. Dissertação (Mestrado) - Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado, São Paulo, 2011.

LE BOTERF, Guy. Desenvolvendo a competência dos profissionais. Porto Alegre: Artmed, 2003.

LOPEZ, Maria Assunção Romero. European Higher Education Area-Driven Educational Innovation. Procedia - Social and Behavioral Sciences, v. 237, p. 1505-1512, 2017.

LYLIS, Marjorie A.; EASTERBY-SMITH, Mark. Organizational learning and knowledge management: agendas for future research. In: EASTERBY-SMITH, Mark; LYLIS, Marjorie A. (org.) The Blackwell Handbook of organization learning and knowledge management. London: Blackwell, 2003. p. 639-652.

MARSICK, Victoria; WATKINS, Karen E. Demonstrating the value of an organization’s learning culture: The dimensions of the learning organization questionnaire. Advances in developing Human Resources, v. 5, n. 2, p. 132-151, 2003.

MENEZES, Elizabeth; GUIMARÃES, Tomas; BIDO, Diógenes. Dimensões da Aprendizagem em organizações validação do Dimensions of the Learning Organization Questionnaire (DLOQ) no contexto brasileiro. Revista de Administração Mackenzie, v. 12, n. 2, p. 4-29, 2011.

NORASHIKIN, Hussein; ISHAK, Noormala Amir. Human resource practice and organizational learning capability: A proposed framework. In: HUMAN RESOURCE MANAGEMENT CONFERENCE, 3., 2006, Langkawi, Malaysia. Proceedings […]. Langkawi, Malaysia: Universiti Utara Malaysia, 2006.

NORASHIKIN, Hussein; MOHAMAD, Amnah; NOORDINA, Fauziah; ISHAK, Noormala Amir. Learning Organization and its Effect on Organizational Performance and Organizational Innovativeness: A Proposed Framework for Malaysian Public Institutions of Higher Education. Procedia - Social and Behavioral Sciences, v. 130, p. 299-304, 2014.

OLIVEIRA, Alessandro Silva Sousa. Processo de Aprendizagem Organizacional em Eventos Raros: Estudo de caso em uma Organização Privada de Educação Superior. 2012. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós Graduação em Administração, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2012.

OLIVEIRA, Lino; MOREIRA, Fernando. Integração de sistemas de aprendizado pessoal de aplicações Web 2.0 e sistemas de gerenciamento de conteúdo. In: European Conference on Knowledge Management, 11., 2010. Vila Nova de Famalição. Anais [...] Vila Nova de Famalição: ECKM, 2010.

PATRIOTTA, Gerardo. Organizational knowledge in the making: how firms create, use, and institutionalize knowledge. United States: Oxford University Press, 2003.

PRANGE, Christiane. Organizational Learning – Desperately Seeking Theory?. In: EASTERBY-SMITH, Mark et al. (org.) Organizational Learning and the Learning Organization: Developments in Theory and Practice. São Paulo: Atlas, 2001. p. 411-463.

RAMIZARA, Gabriel M.; CALLAZOSA, Cesar A.; MOREIRA, Fernando. All-Learning: o estado da arte dos modelos e as metodologias educativas com as TIC. Telemática e Informática, v. 35, p. 1944 – 95, 2018.

REZENDE, Flavia. As Novas Tecnologias na Prática Pedagógica Sob a Perspectiva Construtivista. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 2, n. 1, p. 70-87, 2002.

SILVA, Marco Antonio Batista; LEITE, Nildes R. Pitombo. Aprendizagem e Mudança Organizacional em uma Instituição de Ensino Superior em Administração. Revista Eletrônica de Administração, v. 20, n. 1, p. 195-224, 2014.

SILVA, Marco Antonio Batista. Aprendizagem e Mudança Organizacional em uma Instituição de Ensino Superior em Administração. 2011. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2011.

TAKAHASHI, Adriana Roseli Wünsch; FISCHER, André Luiz. Processos de aprendizagem organizacional no desenvolvimento de competências em instituições de ensino superior para a oferta de cursos superiores de tecnologia [CSTS]. Rev. adm. contemp., Curitiba , v. 14, n. 5, p. 818-835, Oct. 2010.

VILLARDI, Beatriz Quiroz. Aprendizagem Coletiva numa IES privada: Um arcabouço analítico dos microprocessos de Emocionalidade e Poder dos docentes que ensinam e pesquisam na graduação. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, 33., 2009. São Paulo. Anais [...] Maringá: ANPAD, 2009.

WATKINS, Karen E.; MARSICK, Victoria J. Sculpting the learning organization: Lessons in the art and science of systemic change. San Francisco: Jossey-Bass, 1993. 298 p.

YANG, Baiyin. Identifying valid and reliable measures for dimensions of a learning culture. Developing Human Resources, v. 5, n. 2, p. 152-162, 2003.

YEUNG, Arthur K.; ULRICH, David O.; NASON, Stephen W.; VON GLINOW, Mary Ann. Organizational Learning Capability. New York: Oxford University Press, 1999. 232 p.




DOI: https://doi.org/10.22279/navus.2020.v10.p01-18.1281

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN - 2237-4558 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

 

Desde 18/10/2017

 

Licença Creative Commons

Os originais publicados na Navus estão disponibilizados de acordo com a Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.