Destino turístico e hospedagem: o papel das agências de viagens e dos operadores de turismo

Suzana Rodrigues Macedo, Fabiana Rosana da Silva

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo inicial, realizar uma ampla análise a respeito de como as agências de viagens e operadoras turísticas têm influenciado na escolha dos meios de hospedagens por parte dos hóspedes em Santa Catarina. Muitos turistas utilizam-se das informações prestadas por estes e por outros intermediários para planejar suas viagens, mas acabam optando por realizar reservas em contato direto com o meio de hospedagem. No entanto, para avaliar esta realidade, contamos com uma amostra de meios de hospedagens em Santa Catarina no ano de 2015, cujo tamanho limitou as conclusões mas permitiu análises preliminares, indicando a necessidade de novos estudos a respeito da influência das agências e operadoras, através de uma fragmentação por tipo de meio de hospedagem, pois esta influência parece estar relacionada ao porte do empreendimento.


Palavras-chave


Turismo Santa Catarina. Agências de viagens. Operadoras turísticas.

Texto completo:

PDF

Referências


ACERENZA, M. A. Agencias de Viajes, Organización y Operación. México: Trilhas, 1990.

BENI, M. C. Análise estrutural do turismo. 12. ed. São Paulo: Senac, 2007.

BUHALIS, D. eTourism: information technology for strategic tourism management. [2003]. Disponível em: . Acesso em: 15 mar. 2015.

BUHALIS, D.; LAW, R. Progress in information technology and tourism management: 20 years on and 10 years after the Internet – The state of eTourism research. Tourism Management, v. 29, n. 4, p. 609-623, 2008.

CALDERÓN, M. de L. S. Estructura y administración de agencias de viaje. México: Redercer Milenio S.C., 2012.

FECOMÉRCIO. Pesquisa Fecomércio de Turismo - Turismo de Verão em Florianópolis 2015. Núcleo de Pesquisas Fecomércio SC. [2015]. Disponível em . Acessado em: 30 mar. 2015.

GARCÍA ORO, E.; CRUZ PÉREZ, M.; LEVYA VELÁSQUEZ, N. La agencia de viajes una empresa importante y poco conocida dentro del sector turístico actual. TURYDES – Revista de investigación em turismo y desarrollo local, v. 2, n. 6, 2009. Disponível em: . Acesso em: 20 mar. 2015.

GOSSON, G. A. O. et al. Influência dos intermediários de distribuição de produtos turísticos no processo de decisão do meio de hospedagem pelo consumidor. Tourism & Management Studies, Penha, Portugal, v. 10, n. 2, p. 123-232, 2014.

MINISTÉRIO DO TURIMOS. Estudo da Demanda Turística Internacional - 2013. [2014]. Disponível em:

s/demanda_turistica/internacional>. Acesso em: 10 dez. 2014.

PETROCCHI, Mario; BONA, André. Agências de Turismo: planejamento e gestão. Clementina, SP: Futura, 2003.

SANTOS, F. M. Geografia das redes hoteleiras: mundo, Brasil e santa Catarina. [2012]. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

SANTUR. Programa de promoção do turismo catarinense. Ação: estudos e pesquisa de turismo – Estudo da demanda turística 2012. [2012]. Disponível em: . Acesso em: 20 mar. 2015.

SANTUR. Programa de promoção do turismo catarinense. Ação: estudos e pesquisa de turismo – Estudo da demanda turística 2013. [2013]. Disponível em: . Acesso em: 20 mar. 2015.

SANTUR. Programa de promoção do turismo catarinense. Ação: estudos e pesquisa de turismo – Estudo da demanda turística 2014. [2014]. Disponível em: . Acesso em: 20 mar. 2015.

THEODORSON, G. A.; THEODORSON, A. G. A modern dictionary of sociology. London: Methuen, 1970.

TOMELIN, C. A. Mercado de agências de viagens e turismo: como competir diante das novas tecnologias. São Paulo: Aleph, 2001.

TOMELIN, C. A. Gestão da cadeia de suprimentos e serviços no subsistema de agências de viagens e turismo de Santa Catarina. 2011. Tese (Doutorado em Administração e Turismo) – Universidade do Vale do Itajaí, Biguaçu.

TOMELIN, C. A.; TEIXEIRA, A. H. Gerenciamento da cadeia de suprimentos e do marketing de relacionamentos nas agências de viagens. In: TRIGO, L. G. G et al. Análises Regionais e Globais do Turismo Brasileiro. São Paulo: Roca, 2005. p. 685-709.




DOI: https://doi.org/10.22279/navus.2016.v6n5.p115-126.441

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN - 2237-4558 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

 

Desde 18/10/2017

 

Licença Creative Commons

Os originais publicados na Navus estão disponibilizados de acordo com a Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.