Análise da formação de recurso estratégico segundo a RBV: estudo em uma organização educacional

Ronaldo Ribeiro

Resumo


Embora a literatura sobre a Visão Baseada em Recursos (RBV) seja vasta, há uma carência de estudos voltados para a maneira como os recursos são formados, principalmente os recursos que se referem a ativos intangíveis. O objetivo deste artigo é analisar o processo de decisão estratégica para implantação do currículo por competência e a formação de um recurso estratégico, a partir da RBV. Para sua realização utilizou-se o método de estudo de caso em uma organização de educação profissional sem fins lucrativos, situada no estado de Santa Catarina. Os resultados mostram que a formação de um recurso intangível tem probabilidade maior de se originar de estratégias emergentes do que de estratégias deliberadas. A principal conclusão é de que um recurso pode ser formado por meio de ações do dia a dia e como fruto de decisões tomadas para outras finalidades, ou seja, pode surgir de uma decisão que não tem relação direta com o recurso.


Palavras-chave


Educação Profissional. Estratégia. RBV. Recursos

Texto completo:

Texto completo Áudio


DOI: https://doi.org/10.22279/navus.2012.v2n1.p15-27.43

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN - 2237-4558 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

 

Desde 18/10/2017

 

Licença Creative Commons

Os originais publicados na Navus estão disponibilizados de acordo com a Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.