Projeto Ariranha: aplicação do gerenciamento de projetos visando à conservação da biodiversidade

Oldemar Oliveira Carvalho Junior, Patricia P. Carioni Dutra, Volnete Alves, Paulo R. Ramos

Resumo


Apresenta-se aqui o relato de pesquisa da primeira fase do Projeto Ariranha, cujo principal objetivo é a instalação de uma base de pesquisa no Pantanal como apoio ao desenvolvimento do turismo de conservação de base comunitária, tendo a ariranha (Pteronura brasiliensis) como espécie bandeira. O planejamento e a execução do projeto envolvem a aplicação das boas práticas do PMBOK®. A metodologia para o estudo da ecologia da ariranha inclui o engajamento comunitário e a participação de ecovoluntários brasileiros e estrangeiros para a coleta de dados da biologia e do comportamento da espécie. O engajamento comunitário conta com a valorização da cultura e da divulgação dos produtos regionais, como também com o incentivo à implantação de unidades de pousadas familiares nas comunidades da região de pesquisa. A mobilização social como tema transversal tem como intuito criar a base comunitária de apoio ao projeto e, consequentemente, criar empatia positiva com a espécie alvo. A área de estudo é a região de Aquidauana, no bioma Pantanal do Mato Grosso do Sul. Até o presente foi criado um banco de dados estruturado em SIG do uso do solo para 10 km de cada margem do rio associado a um mapa temático. Foi definido um curso de capacitação em turismo de conservação de base comunitária e elaborada uma cartilha de educação ambiental a ser distribuída nas escolas da região. Considera-se que os alcances do projeto até o momento proporcionaram uma base para a execução da próxima fase destinada à pesquisa de campo.

 


Palavras-chave


Gerenciamento de projetos. Turismo de conservação. Base comunitária. Mobilização social. Pteronura brasiliensis.

Texto completo:

PDF Áudio


DOI: https://doi.org/10.22279/navus.2014.v4n2.p33-49.178

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN - 2237-4558 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

 

Desde 18/10/2017

 

Licença Creative Commons

Os originais publicados na Navus estão disponibilizados de acordo com a Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.